Superação - Blog de Maurício Louzada - Mauricio Louzada

Busca
Palestras Motivacionais
de alto impacto
Ir para o conteúdo

Menu principal:

Superação

Publicado por Maurício Louzada em Para a Vida · 26/11/2009 12:55:00
Algumas palavras fazem parte do dia-a-dia de pessoas que trabalham com motivação: raça, vontade, desafio, disciplina, dedicação, coragem, determinação, renúncia, amor, superação... Palavras que trazem para a realidade algumas potencialidades latentes que todos temos, mas estão adormecidas, por algum motivo obscuro.

Mas para que servem todas essas palavras? Para nos acordar para a vida e lembrar que nossos sonhos são possíveis e nos impulsionam.  Todos nós já nascemos com a capacidade de realizar tudo o que queremos, mas em algum momento perdemos a confiança e a certeza plena de que somos capazes.

Nestes anos todos ministrando palestras, descobri que as pessoas precisam ser relembradas sobre o seu real potencial. Precisam que alguem diga a elas: "Vamos, isso é possível, tudo o que você precisa está exatamente dentro de você!".

Na edição passada, escrevemos sobre a Seleção brasileira de futebol. Para mim, ao ver os jogadores em campo durante a Copa do Mundo, tive a nítida sensação de que faltava algo - um desejo, um sonho, uma visão... Não é a toa que surgiram na Internet piadas como: "Um Dunga, 11 sonecas e 190 milhões de zangados...". Onze sonecas?  Sim, pois aqueles que não mostram garra e determinação rumo ao seus objetivos passam aos outros a sensação de estarem dormindo (uma injustiça com o zagueiro Lúcio - o único que parecia estar pronto para a SUPERAÇÃO).

Superação... Eis a palavra que abre a nossa edição. Superar é ter pleno domínio sobre a inércia. É usar a própria vontade para reverter um quadro. É uma faísca que nos faz acreditar, quando todos já desistiram. É ver um alvo que ninguém consegue ver, e com firmeza, acertá-lo. 

Mas superação requer "assumir riscos". Tanta gente não faz nada, ou faz tão pouco, por não ter coragem de assumir os riscos, e assim se colocam na situação mais arriscada que existe - o risco de precauções em excesso - um risco que leva à inanição, uma situação na qual a pessoa se sente segura pois não irá experimentar fracassos ou cometer erros. Mas também não experimentará a verdadeira sensação de vitória. Erros fazem parte da vida. Com eles temos a oportunidade de recomeçar de uma forma mais inteligente.

Quem não erra, não se supera, não encontra dentro de si as palavras que trazem para a realidade toda sua potencialidade, e faz da vida um "lugar seguro" para "dormir". 

Por que arriscar ser um vencedor? Talvez a resposta esteja em uma frase que li no para-choque de um caminhão: "Não leve a vida tão a sério, você não vai sair vivo dela..."

(Permitida a reprodução, desde que citado o autor - Maurício Louzada)



Sem comentários

Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal